3 passos para cultivar orquídeas em casa sem mistério

Thumb 3 passos para cultivar orquídeas em casa sem mistério

3 passos para cultivar orquídeas em casa sem mistério

A orquídea é uma planta ornamental muito apreciada no mundo inteiro, de cores e formas variadas, são predominantes de áreas tropicais.

Elas crescem sobre as árvores, usando-as somente como apoio para buscar luz. Diferente do que muitos pensam, essas plantas não são parasitas, mas cerca de 90% dessas espécies são epífitas, isso quer dizer que elas crescem sobre outra planta, que utilizam como base de apoio (absorvem os nutrientes e a água através da planta que ela usa de base).

Essa característica faz pensar que cultivo dela seja quase que impossível, na qual somente um profissional de jardinagem ou botânica possa cultivar.

Mas existem algumas espécies que não necessitam de tanto cuidado, como: Phalaenopsis, Cattleya, Cymbidium, Bletilla, Pleione, Odontoglossum e Paphiopedilum.

No artigo de hoje, vamos ensinar como você pode plantar esses mimos em sua casa e sem estresse.

1º Passo

Através das sementes é um trabalho muito difícil, por isso, a dica para você que é um iniciante é cultivar a partir de uma muda.

É muito simples, basta preparar um vaso de barro que possa eliminar o excesso de água, colaborando para a drenagem da planta.

O substrato a ser plantado deve ser poroso para que a raiz da planta esteja arejada.

Podemos também preparar uma mistura de areia, casca de alguma árvore e perlita.

Escolha uma planta base com raízes expostas, afinal, as orquídeas crescerão no tronco dessa planta.

2º Passo

O ideal é colocar a sua orquídea em um local em que a luz do sol a alcance diretamente., como janelas e varandas.

A orquídea vai precisar de luz solar, mas evite muita exposição aos raios UV.

3º Passo

As primeiras flores irão surgir quando a diferença de temperatura entre o dia e a noite for algo em torno de 8° C.

A cada três anos a planta deve ser transplantada, sempre use substratos leves, como casca de alguma árvore.

Na primavera, as folhas da orquídea ficam bem verdes, por isso é uma época ideal para fazer essa mudança.

Lembre-se que essa planta é nativa de ambiente tropical, por isso ela não pode estar exposta a variações de temperatura abaixo de 14°C.

Mas também esqueça lugares muito abafados, a cozinha é uma péssima ideia para cultiva-la.

O ambiente ideal é sempre embaixo de uma árvore, pois ela recebe a quantidade de luz solar e vento necessário para seu desenvolvimento.

O nível correto de umidade é de 40%, então coloque a sua orquídea perto de outras plantas ou perto de uma bacia com água. Nunca coloque o pote d´água abaixo do vaso da orquídea.

Regularmente, regue sua planta com água sem cloro à temperatura ambiente.

No verão, regue duas a três vezes por semana e no inverno, apenas uma vez pela manhã, com bastante água.

Respeite a particularidade de cada espécie, por isso, pesquise sempre sobre o tipo de orquídea que escolheu para cultivar.

Fonte: DICASonline

Envie um comentário :

Outros Posts da A Natureza é Bela: