Sabedoria japonesa para sermos mais felizes no dia a dia

Thumb Sabedoria japonesa para sermos mais felizes no dia a dia

Sabedoria japonesa para sermos mais felizes no dia a dia

A sabedoria japonesa atrai muito os ocidentais.

Talvez seja porque sua cultura, sua filosofia e as raízes de sua espiritualidade tenham pouco de artifício e muito da figura do indivíduo que sabe viver em harmonia com a natureza e seus semelhantes.

Por sua vez, a cultura nipônica é admirada porque entende também sobre somo se sobrepor às dificuldades, sobre como assumir um sentido de felicidade baseado no mais simples, no elementar e na harmonia entre a mente e a natureza.

Os japoneses enfatizam também o senso de convivência que tanto nos admira, no qual existe um grande respeito pelas gerações mais velhas, onde a humildade de espírito favorece a reciprocidade, a convivência mais saudável, sempre cheia de harmonia em grande parte das famílias.

Estamos certos de que estes ensinamentos baseados na sabedoria japonesa mais ancestral podem ser de grande ajuda e trazer inspiração para o seu dia a dia.

Convidamos você a descobri-los e, quem sabe, adotar algum destes sábios conselhos.

Conselhos da sabedoria japonesa

Faça todo o possível e deixe o resto para o destino

“Faça todo o possível e deixe o resto para o destino” pode parecer um conselho um pouco enigmático mas, na realidade, possui um grande propósito e uma interessante verdade.

As pessoas não têm um controle absoluto sobre tudo que ocorre e nem sobre o que pode vir a ocorrer.

No entanto, temos a obrigação de orientar nossa vida pelo caminho marcado por nossos próprios propósitos, desejos e objetivos.

Dentro desta porção que pertence ao destino, na qual se inscreve o inesperado, se estende também uma área que pertence a nós.

Podemos ser donos de uma boa parte de nosso porvir e é nossa obrigação forjá-lo de acordo com nossa essência.

Uma palavra amável pode aquecer três meses de inverno

Falar de forma amável não custa nada e faz muito. No entanto, nem sempre fazemos isso. Nem sempre temos tempo ou colocamos a vontade suficiente para gerar o bem-estar nas pessoas que nos rodeiam.

Façamos isso, façamos uso da linguagem positiva que dá asas e que reafirma, que consola e cura a autoestima.

Se um problema tem solução, pare de se preocupar

Se um problema tem solução, não vale a pena se preocupar, e se não tem, menos ainda.

 A aceitação é, sem dúvida, um dos pilares mais tradicionais da sabedoria japonesa. A clareza mental é acompanhada também por um adequado enfoque emocional.

São eles que nos ajudam a compreender que se algo não tem solução, só nos resta virar a página e focar nossos pensamentos e energias em outra coisa.

Não detenha o que está indo, não afugente o que está chegando

Em alguns momentos as pessoas ficam obcecadas por mudar a ordem das coisas, não ser receptivas com o que as envolve ou tentar reter o que já não se sustenta (relações, projetos, etc).

Há coisas que precisamos deixar ir porque é a lei da vida, porque aquela amizade ou amor não faz mais sentido e porque é necessário deixar ir o que não nos enriquece mais como pessoas.

Outras vezes devemos ser capazes de intuir que as coisas estão mudando e que há algumas novas que irão chegar e às quais precisaremos nos adaptar.

Busque respostas para suas perguntas antes que seja tarde demais

Os nipônicos são sempre muito prudentes na hora de tomar a iniciativa.

Isso se deve a um fato muito claro e, ao mesmo tempo, inteligente: entendem que cada coisa tem seu momento e que o ideal é saber quando é o instante mais oportuno para fazer ou dizer algo.

O que queremos dizer com isso? Basicamente que é recomendável não deixar passar as oportunidades mas, por sua vez, também devemos evitar nos precipitarmos e não agir antes do tempo.

Lembre-se também de que há épocas para fazer perguntas e épocas para encontrar respostas. Momentos em que é preciso ficar quieto e observar e outros instantes em que é necessário agir.

A fortuna sempre chega à casa onde há risadas

A fortuna é mais do que a sorte. É a capacidade de sermos receptivos para deixar entrar as oportunidades, os novos planos, as melhores ideias e os presentes que o destino nos traz e que nós mesmos, com nosso esforço e dedicação, conseguimos.

É preciso ser positivo. É necessário enfrentar a vida com a harmoniaque nos oferecem as relações mais positivas, a cumplicidade da família, os bons amigos e a felicidade de coração onde nossa mente sabe e entende que tudo é possível.

Para concluir, estamos certos de que estas simples propostas vitais funcionarão como um convite à reflexão.

A sabedoria japonesa tem esta finalidade. Não busca nos mudar, e sim nos fazer pensar na nossa própria realidade para construí-la à nossa maneira por meio da bondade e da humildade.

Você se anima a colocá-la em prática?

 

 

 

Fonte: Melhor com Saúde

Envie um comentário :

Outros Posts da A Natureza é Bela: